ERA UMA VEZ...

1 de junho de 2009

 

No passado dia 1 de junho – Dia Mundial da Criança – a SEMENTE rumou até ao IPO do Porto para proporcionar um dia diferente aos meninos e meninas em regime de internamento que lá se encontravam. O objetivo foi, através do conto de uma história, deixar uma mensagem de conforto e de esperança a todos os presentes. Mas, para melhor descrever esta atividade, deixamos o testemunho da Voluntária da SEMENTE e autora da história – Ana Carvalho:

 

Era uma vez um pássaro chamado Tobias…
Assim começou a atividade desenvolvida pelo grupo de Voluntários da Associação SEMENTE no âmbito da comemoração do Dia Mundial da Criança (1 de junho de 2009)!

 

Numa troca de olhares, sorrisos, medos e anseios iniciou-se a atividade que ficaria marcada para sempre na mente e coração daqueles que tiveram o privilégio e a coragem de participar!

 

A INSTITUIÇÃO ESCOLHIDA: IPO – Porto (Serviço de Pediatria)

 

MISSÃO SEMENTE: Semear palavras de esperança e abraçar bem forte todos aqueles que diariamente lutam contra o tempo e acreditam no processo da cura de seres indefesos, frágeis, que buscam e anseiam a felicidade de uma qualquer CRIANÇA!

 

EXPECTATIVAS: Proporcionar a estes PEQUENOS atores um momento de descontração aliado à dramatização de uma história pareceu ser algo bastante oportuno. Efetivamente, contar histórias para crianças é sustentar o imaginário e encontrar ideias para solucionar questões. É uma possibilidade de descobrir o mundo intenso de conflitos, dos impasses, das soluções que todos vivemos e atravessamos através dos problemas que vão sendo enfrentados (ou não), resolvidos (ou não), pelos personagens de cada história. Fazer de conta é uma fonte de cura muito rica para crianças.

 

É ouvindo histórias que se pode sentir emoções importantes, como a tristeza, a raiva, a irritação, o bem-estar, o medo, a alegria e a insegurança e é através de uma história que se podem descobrir outros lugares, outros tempos, outras maneiras de ser e de agir…

 

O “Paraíso das Flores” ficará eternamente conhecido como o sítio onde o Pássaro Tobias costumava levar os meninos e meninas especiais para colherem as flores brancas que lhes proporcionariam momentos de felicidade junto das suas famílias.

 

E foi com base nesta história (Paraíso das Flores) que as “Sementinhas” começaram por desenhar, cortar e pintar as flores que entregaríamos a cada uma das crianças do IPO Porto na esperança de dias coloridos e rápidas melhores!

 

Seguiram-se os ensaios com aquelas que viriam a ser as protagonistas de uma história simples nas palavras e forte na mensagem que pretendia passar…

 

A ansiedade do momento final corria no olhar de todos aqueles que em breve seriam confrontados com uma realidade dura, fria, cruel, incompreensível, mas real…

 

RESULTADO: 1 de junho de 2009. Chegara o dia! À hora marcada e no ponto de encontro combinado os Voluntários chegaram às instalações do IPO Porto, Serviço de Pediatria.

Foi com um sorriso nos lábios que descobriram um espaço alegre, acolhedor e familiar! Os medos e anseios deram lugar à esperança e à fé. E foi nesse ambiente intimista e calmo que se deu início à atividade.

 

Entre os olhares atentos dos ouvintes da história enchíamo-nos de coragem para transmitir palavras de apreço, respeito, admiração e esperança…a todos os que diariamente são verdadeiros HERÓIS! Heróis reais, com sonhos cor-de-rosa…

 

 

 

 

<< voltar
Formato Verde